como fazer laços de cabelo

Como fazer laços de cabelo?

Com criatividade é possível fazer praticamente tudo com crochê e o melhor, você consegue fazer tudo tanto para a sua casa quanto consegue fazer para comercializar se for o caso. Esse é o exemplo dos laços de cabelo de crochê. Eles podem ser tanto feitos para uso pessoal quanto para vender. Separei aqui algumas dicas de como fazer aços de cabelo de crochê.

No caso da comercialização pode trazer um retorno significativo visto que o valor de produção é significativamente baixo e estes apresentam bom valor de venda.

E antes que você pense que fazer os laços é algo extremamente difícil, isso não é verdade. Aliás, pode ser algo simples e prazeroso com um pouco de treino e técnica. A partir da criação do laço você poderá utilizá-lo como broche para o cabelo, como um adereço em uma presilha de cabelo assim como poderá colocá-lo a venda para que o cliente utilize como bem quiser.

Para que você consiga fazer o laço você vai precisar de alguns itens. Vamos direto ao que interessa?

Como fazer laços de cabelo de crochê?

Itens para produção

Para saber como fazer laços de cabelo de crochê você não vai precisar de quase nada além do que você já utiliza para a produção de outras peças de crochê. Ou seja, você vai precisar de linha, agulha e tesoura.

Vale observar que a linha e a agulha escolhida devem ser condizentes. Em outras palavras tanto a agulha quanto a linha terão que ser de espessuras para o mesmo trabalho. Se a linha for muito fina, escolha uma agulha de espessura adequada, somente assim poderá dar pontos delicados com ela.

Além destes itens será necessário a utilização de uma pistola de cola quente.

Mãos a linhas

Com tudo separado para começar, o primeiro passo será um nó dado na linha. O nó inicia o trabalho. Deixe uma pontinha desse nó e faça uma laçada. Passe a pontinha residente pela laçada. Feito isso os trabalhos poderão ser de fato iniciados.

Feito isso você deve seguir com vinte e cinco correntinhas. A correntinha é um dos pontos mais simples do crochê e tem muita utilidade para a produção de diferentes tipos de peça, como, por exemplo, o próprio laço.

Vire o trabalho realizado, deixe dois pontos. Após os dois pontos faça a laçada com a agulha que está utilizando a passe a agulha pela correntinha feita. Puxe a linha passando pelas laçadas realizadas.

Agora você deve seguir repetindo o processo. Fazendo a laçada, realizando a passada da agulha, e realizando a passada da linha pelas laçadas.

A certa altura, que você julgue estar boa para dobrar o laço você poderá repetir o processo. Nesse momento apenas se lembre de laçar a agulha antes de passá-la pela carreira debaixo. Posteriormente passe-a, a agulha, pelas três linhas de uma única vez.

Feitas umas cinco carreiras mais ou menos já é possível cortar a linha e arrematar o trabalho. Na verdade, você pode fazer mais ou menos carreira, tudo depende do tamanho do laço que você deseja produzir.

Feito isso cole a linha, a ponta dela na parte de trás do laço e enrole de modo que a sua outra ponta se encontre também com a primeira e cole-a também atrás da peça.

Após isso a sua peça está pronta. Certamente fazer um laço de crochê foi mais fácil do que você imaginou que seria, não é mesmo?

Pontos de crochê: dicas especiais para você

Para fazer qualquer peça de crochê é fundamental que vice tenha conhecimento sobre os pontos utilizados para sua produção. Para a produção do laço foi utilizado o ponto correntinha, o ponto mais comum.

O ponto correntinha é o ponto base, consiste em uma das primeiras coisas práticas que você aprende quando decide aprender a fazer crochê.

Se você deseja se aventurar a produzir peças, seja elas quais forem, invista sobretudo em aperfeiçoar o desenvolvimento da sua correntinha. Somente a partir dai será possível garantir que suas peças serão de qualidade e realente bonitas para o público caso a sua intenção seja comercializar.

Outro ponto importante é que se você deseja de fato investir na produção de crochê para comercializar e lucrar com isso é fundamental investir igualmente no desenvolvimento de diferentes habilidades quando a realização exímia de outros pontos, como os pontos baixíssimos e os pontos altos.

como fazer laços de cabelo

Dicas sobre linhas e agulhas 

Mencionei anteriormente brevemente sobre a questão das agulhas, mas vale a pena reforçar esse ponto porque pode e muitas vezes realmente acaba passando batido. As agulhas como costumam dizer, precisam conversar com as respectivas linhas.

O material do qual as agulhas são compostas não importa. Mas a sua espessura e respectivamente o seu tamanho sim. Agulhas muito espessas para linhas demasiadamente finas fazem com que o trabalho perca o seu caráter delicado visto que a agulha mais grossa não conseguirá comportar um acabamento mais suave.

Da mesma forma agulhas muito longas comprometem o resultado de trabalhos que demandam intervenção de agulhas mais finas e delicadas.

O ideal é ter um conjunto de linhas e agulhas bem diversificado. Além da utilidade, a diversidade nesse caso permite que você possa criar mais tranquilamente sem demasiadas preocupações quando a viabilidade do trabalho pensando no que diz respeito aos recursos necessários para tanto.

Outra questão interessante diz respeito as linhas, se possível tenha diferentes tons de cores de linhas para que possa igualmente criar diferentes produtos.

No caso de saber como fazer laços de cabelo, por exemplo, se o seu intuito for comercializá-los, o objetivo é que sejam atrativos para o cliente, não é? Trabalhar a imagem pode ser interessante e ser convertido em aumento de vendas

Leave a Comment